sábado, 16 de fevereiro de 2013

Dermolipectomia de Coxas

Dermolipectomia de Coxas


RITIDECTOMIA OU DERMOLIPECTOMIA DE COXAS


A flacidez da face interna das coxas ocorre habitualmente por emagrecimento e envelhecimento; por falta de exercício a gordura tende a acumular e o músculo tende a perder volume.


Esta cirurgia deixa uma cicatriz na raiz da coxa, que acompanha a linha da virilha e por vezes com prolongamento vertical na face interna da coxa, quando o excesso de pele é muito grande. A cicatriz tem tendência a descair com o efeito da gravidade, sendo difícil ficar coberta pelo biquini. Nos casos em que a flacidez não é muita, a melhor solução é o exercício físico.


A anestesia usada é a epidural ou geral, necessitando de 24h de internamento. O pós-operatório é desconfortável, durante a primeira semana, em virtude da área envolvida, mas controlável com analgésicos. É necessário uma boa higiene íntima e não usar roupa justa nas coxas durante 3 semanas. Verifica-se algum grau de edema dos pés durante a primeira semana, pelo que é aconselhável algum grau de repouso dos membros inferiores. Recomenda-se drenagem linfática durante o primeiro mês, de modo a conseguir uma boa moldagem.


É importante durante os primeiros meses, a massagem das cicatrizes e aplicação de gel de silicone, de modo a ficarem o mais possível disfarçadas.


FOTOS ANTES E DEPOIS DA DERMOLIPECTOMIA DE COXAS
















Sem comentários: