sábado, 16 de fevereiro de 2013

Depressão Pós-Parto

Depressão Pós-Parto (melancolia pós-parto, perturbação da mãe)


O que é a Depressão Pós-Parto:


Muitas mães recentes sentem-se tristes, receosas, zangadas ou nervosas depois do nascimento do filho. Estes sentimentos, designados como depressão pós-parto ou melancolia pós-parto são bastante comuns. Os sinais da melancolia pós-parto começam a manifestar-se alguns dias depois do bebé nascer e passam habitualmente após uma a duas semanas. Não se sinta culpada em relação ao sentimento de melancolia ou de preocupação após o nascimento do seu filho. São sentimentos normais. O facto de se sentir assim não significa que é uma má mãe. É normal ter sentimentos mistos em relação à maternidade à medida que o seu corpo se ajusta às alterações que se seguem ao nascimento da criança. Designa-se por depressão pós-parto se a sua “melancolia” não passar ou se piorar. Quando se sentir deprimida, poderá não ser capaz de tratar do seu bebé ou de si própria. Uma depressão grave passa habitualmente com tratamento. Mas sem tratamento, pode piorar, podendo inclusive levar à intenção de se magoar a si própria ou ao seu bebé.


Causas da depressão pós-parto:


A depressão pós-parto pode ser provocada por alterações hormonais no seu sangue. O stress, as insónias, uma dieta pobre ou uma ajuda insuficiente podem provocar a depressão. Mulheres com problemas de saúde a nível mental antes do nascimento da criança têm mais probabilidades de se sentirem deprimidas depois de terem a criança.


Sinais e sintomas da depressão pós-parto:


Poderá sentir-se triste, nervosa, irritada ou rabugenta. Poderá sentir-se zangada com o seu bebé, o seu parceiro ou com os seus outros filhos. Também poderá ter dificuldades em adormecer, em se alimentar ou em tomar decisões. Outros sinais podem ser a perda de energia, alterações de peso ou o facto de não demonstrar qualquer interesse pelas suas actividades habituais. Se tiver uma depressão grave, poderá sentir vontade de se magoar a si própria ou ao bebé.


Diagnóstico – Como se Diagnostica:


Tristeza e ansiedade prolongadas após o nascimento do bebé com crescentes sentimentos de culpa e/ou irritabilidade aliados a dificuldades no sono.


Riscos e Complicações:


Sentir-se mais deprimida ou a sua depressão não passar:
Sentir necessidade de falar sobre os seus problemas. Contacte um médico, um departamento de emergência de um hospital ou um centro de saúde mental. Poderão ajudá-la a lidar com os seus sentimentos. Poderão ainda ajudá-la a encontrar um grupo de suporte constituído por outras mulheres que se sintam da mesma forma.


Tratamento da depressão pós-parto


O descanso é importante. Não tente fazer tudo. Faça apenas o estritamente necessário e deixe as outras coisas para mais tarde. Peça ajuda ao seu parceiro, familiares ou amigos, especialmente se tiver mais crianças. Tente dormir um pouco enquanto o bebé também dorme. Peça ao seu parceiro que a ajude com a alimentação nocturna ou com outros cuidados que o bebé necessite. Partilhe os seus sentimentos com o seu parceiro, com uma amiga ou com outra mãe. Muitas vezes, o simples acto de falar com outra pessoa é uma grande ajuda. Tome bem conta de si própria. Tome banho e vista-se todos os dias. Não se esqueça de se alimentar. Tente sair um pouco de casa todos os dias. Dê um passeio ou encontre-se com uma amiga. Contrate uma “baby-sitter” ou leve o bebé consigo. Passe algum tempo com o seu parceiro. É importante ter algum tempo para si própria, todos os dias.

Sem comentários: